MyRescue – Resgatando dados de discos danificados

Caso não consiga visualizar esta mensagem, clique aqui.
URL deste artigo: http://www.Dicas-L.com.br/dicas-l/20120828.php

Logotipo Dicas-L, por Ricardo BurileMyRescue – Resgatando dados de discos danificados

Colaboração: Rubens Queiroz de Almeida

Data de Publicação: 28 de agosto de 2012

Discos rígidos tem um prazo de validade. Sempre. Este prazo pode ser de um ano, geralmente após a expiração da garantia, dois ou três anos. Não importa, este dia vai chegar para você. A apólice de segurança é um backup atualizado, preferencialmente em mais de uma mídia. Mas se você não tiver, a solução é tentar resgatar o que for possível de seu disco defeituoso.

Em sistemas GNU/Linux, você tem, entre outros, o utilitário MyRescue. Este utilitário tenta recuperar a informação que ainda estiver legível em seu disco rígido. Ao invés de gastar tempo em áreas danificadas, ele trata primeiramente as áreas ainda legíveis para então voltar aos setores mais difíceis. Quem já teve problemas com discos rígidos sabe que os problemas se espalham rapidamente, então faz bastante sentido tentar salvar primeiro as áreas boas.

Segundo o autor recomenda, o melhor mesmo é ter um backup. Não tendo, o melhor é contratar um serviço profissional de recuperação de dados. Se não puder, se você estiver desesperado, use o comando myrescue. Mas leia com atenção o manual do programa, para tomar todas as precauções necessárias e entender bem seu funcionamento.

Reproduzo a seguir um resumo das opções de uso.

  myrescue [<options>] <input-file> <output-file>
  options:
  -b <block-size>   block size in bytes, default: 4096
  -B <bitmap-file>  bitmap-file, default: <output-file>.bitmap
  -A                abort on error
  -S                skip errors (exponential-step)
  -f <number>       skip blocks with <number> or more failures
  -r <retry-count>  try up to <retry-count> reads per block, default: 1
  -s <start-block>  start block number, default: 0
  -e <end-block>    end block number (excl.), default: size of <input-file>
  -G <range>        only read <range> blocks around good ones
  -F <range>        skip <range> blocks around failed ones
  -J <number>       randomly jump after reading a few sectors
  -R                reverse copy direction
  -h, -?            usage information

Caso não queira mais receber estas mensagens clique aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s